Celíacos e intolerantes ao glúten: dá para escapar da dieta de vez em quando?

Muitos pacientes chegam ao consultório com essa dúvida e querem saber se celíacos ou intolerantes ao glúten podem sair esporadicamente da dieta e comer um pãozinho, ou um salgadinho quando bate aquela vontade. A resposta é não! Aliás, esse é um erro constantemente cometido por muitas pessoas que, por falta de informação, não dão a devida importância ao quadro e acham que se trata apenas de uma “simples intolerância”.

Quando fazemos a dieta de exclusão total de glúten, temos por objetivo cessar a inflamação, controlar os mecanismos autoimunes, diminuir os anticorpos antitransglutaminase e recuperar a mucosa intestinal. É importante destacar que a inflamação não é restrita ao intestino, e pode afetar articulações, a glândula da tireoide, aumentar os anticorpos nos casos de tireoidite de Hashimoto, e até aumentar o risco trombose.

As “escapadas” frequentes da dieta geram danos que vão se acumulando no organismo e a longo prazo, pode levar a consequências graves como o linfoma intestinal e a doença celíaca refratária, cujo tratamento é bem mais complexo e restrito. Portanto, não preciso nem destacar aqui a importância do acompanhamento com um profissional especializado que possa fazer a orientação nutricional correta. Dúvidas? Procure um nutricionista!