Alimentação e a relação com o surgimento da acne

A nossa pele produz naturalmente uma espécie de secreção que tem como objetivo proteger e hidratar. O aumento da produção dessa secreção faz com que os poros sejam obstruídos, aumentando a concentração de fungos e bactérias na região que causam uma pequena infecção. Como resultado, temos o surgimento da acne e a formação de cravos e espinhas.

Além do tratamento dermatológico e medicamentoso, a alimentação focada na desintoxicação do organismo pode ser uma ótima aliada no controle do quadro. Para isso, é importante ter uma dieta rica em fibras, pois elas melhoram o trânsito intestinal e ajudam a eliminar as toxinas. Vegetais verde escuro e alaranjados também devem ser consumidos com frequência, já que contém vitaminas que auxiliam na manutenção e reparação da pele.

Alimentos gordurosos, doces e bebidas açucaradas devem ser evitados, pois facilitam o acúmulo de toxinas, assim como os carboidratos de alto índice glicêmico (principalmente farinha branca e açúcar), que causam picos de insulina no sangue e favorecem a inflamação. Tire suas dúvidas com um profissional, procure um nutricionista!